What's happening?

Vídeo 240 Views Report Error

  • DUBLADO
Professor Marston e as Mulheres-Maravilhas

Professor Marston e as Mulheres-Maravilhas

Professor Marston e as Mulheres-MaravilhasOct. 13, 2017USA108 Min.R
Your rating: 0
8 1 vote

Sinopse

Professor Marston e as Mulheres-Maravilhas

A não-convencional vida de Wiliam Marston (Luke Evans), psicólogo e inventor de Harvard que ajudou a tornar real o Detector de Mentiras e que também criou a Mulher-Maravilha, personagem dos quadrinhos, em 1941. Marston mantinha uma relação polígama envolvendo sua esposa Elizabeth Marston (Rebecca Hall), psicóloga e inventora, e Olive Byrne (Bella Heathcote), uma ex-aluna que virou acadêmica. Essa relação e os ideais feministas das duas mulheres foram essenciais para a criação da personagem.

Crítica

A chegada deste filme aos cinemas em 2017 poderia ser interpretada de duas maneiras bem diferentes. A primeira delas seria como oportunismo comercial: por este ponto de vista, o projeto seria uma tentativa de explorar a personagem que estrelou dos dois maiores sucessos de bilheteria do ano. A segunda leitura, mais interessante, diz respeito à tentativa de enxergar a heroína por um lado oposto daquele apresentado nas superproduções de ação. O filme retira a Mulher-Maravilha do universo pop, ágil, espetacular, onde os mortos não sangram e os adultos não fazem sexo. Professor Marston e as Mulheres-Maravilhas oferece, em troca, sexo, sangue e psicologia adulta.

 

O interessante roteiro acompanha duas tramas em paralelo: enquanto o professor Marston depõe a uma comissão de moral e bons costumes sobre o suposto erotismo, perversão e tortura que oferece às crianças nos gibis, descobrimos sua história anterior à criação da personagem. A temporalidade é marcada por “antes e depois” da heroína, na qual a invenção da Mulher-Maravilha, em si, interessa pouco. O que motiva a diretora Angela Robinson neste filme é encontrar paralelos reais à personagem dos quadrinhos, comprovando que o empoderamento sugerido nas histórias só foi possível graças a mulheres pioneiras na realidade.

No início, os três protagonistas poderiam parecer estereótipos: Luke Evans é visto como homem sedutor com uma bela esposa e aluna destina a se tornar amante, Rebecca Hall é a esposa controladora e histérica, em oposição à ingenuidade angelical de Bella Heathcote. Aos poucos, a trama desconstrói estas impressões: o professor Marston não é um conquistador barato, e as duas mulheres com quem se envolve manifestam desejo sexual mais forte uma pela outra do que pelo homem; a esposa libertária e determinada se revela a mais conservadora quanto confrontada à homofobia; a jovem indefesa passa a confrontar vizinhos e adota sua independência quando necessário.

 

A constante quebra de expectativas se torna o ponto mais interessante do filme. A Mulher-Maravilha dos quadrinhos é cercada de fetiches – a amazona sexy, de espartilho colado, superpoderes, laço mágico, bracelete que rebate balas – porém o roteiro traz cada um destes elementos para a realidade. A corda se torna o acessório de um jogo sexual, e também o instrumento necessário para prender um homem doente à maca no hospital, a roupa justa parte de um jogo fornecido pela própria mulher, e retirado quando ela decide. Se o olhar à super-heroína foi ditado pelas regras da libido masculina, desta vez a equipe formada por diretora, roteirista e produtoras mulheres decide se apropriar dos símbolos para o prazer feminino.

Professor Marston e as Mulheres-Maravilhas

Diante de tantas qualidades de representação, é uma pena que Robinson não demonstre maior desenvoltura na direção. Robinson repete à exaustão a cartilha do plano e contraplano, com a câmera sempre na altura dos rostos. A primeira e importante cena de sexo a três é particularmente mal filmada e editada, recorrendo aos clichês da câmera lenta e trilha sonora óbvia – “Feeling good” de Nina Simone, é claro. A música irrompe de maneira tradicional ao fim de cada cena dramática, o que confere uma aparência engessada e pudica a um filme que, ironicamente, aborda a questão da ousadia. No entanto, Robinson acerta ao valorizar as trocas de olhar: o trio está constantemente admirando uns aos outros em silêncio, com amor, paixão, ódio ou tristeza, e os close-ups conseguem captar esta dinâmica.

 

Os três atores estão muito bons, com destaque para a excelente Rebecca Hall, numa personagem complexa e volúvel, porém perfeitamente coerente. Acima de tudo, Professor Marston e as Mulheres-Maravilhas é um projeto que visa levar ao público médio e familiar uma trama progressista sobre poliamor, homossexualidade e liberdade sexual. Se fosse mais ousado na representação do erotismo, talvez perdesse a conexão com este público amplo que também pretende atingir. O filme defende uma vertente do feminismo contemporâneo que, ao invés de criticar os chicotes e roupas justas como objetificação da mulher, permite a elas serem o que quiserem, usando a roupa que bem desejarem sem serem julgadas moralmente por isso. As mulheres deveriam ter a escolha de se situar na posição que lhes conviesse, seja ela de dominação, submissão, agressão ou passividade.

Professor Marston e as Mulheres-Maravilhas
Professor Marston e as Mulheres-Maravilhas
Professor Marston e as Mulheres-Maravilhas
Professor Marston e as Mulheres-Maravilhas
Professor Marston e as Mulheres-Maravilhas
Professor Marston e as Mulheres-Maravilhas
Professor Marston e as Mulheres-Maravilhas
Professor Marston e as Mulheres-Maravilhas
Professor Marston e as Mulheres-Maravilhas
Professor Marston e as Mulheres-Maravilhas
Título original Professor Marston and the Wonder Women
IMDb Rating 7.1 23,666 votes
TMDb Rating 7.3 482 votes

Director

Elenco

Luke Evans isDr. William Moulton Marston
Dr. William Moulton Marston
Rebecca Hall isElizabeth Marston
Elizabeth Marston
Bella Heathcote isOlive Byrne
Olive Byrne
Connie Britton isJosette Frank
Josette Frank
J.J. Feild isCharles Guyette
Charles Guyette
Chris Conroy isBrant Gregory
Brant Gregory
Oliver Platt isM.C. Gaines
M.C. Gaines
Maggie Castle isDorothy Roubicek
Dorothy Roubicek
Alexa Havins isMolly Stewart
Molly Stewart
Compartilhamento0

Títulos Similares

O Universo no Olhar
Alma de Cowboy
Eu Sou a Lenda
Entre Irmãos
De Patrick
Profissão De Risco
Deus Não Está Morto: Uma Luz na Escuridão
The Dirt: Confissões do Mötley Crüe
O Trem do Natal
Na Cama com Victoria
The Courier
Um Natal de Mudanças

Deixe um comentário

Name *
Add a display name
Email *
Your email address will not be published