What's happening?

Vídeo 502 Views Report Error

  • LEGENDADO
DC Showcase: Adam Strange

DC Showcase: Adam Strange

May. 05, 202016 Min.
Your rating: 0
6 1 vote

Sinopse

DC Showcase: Adam Strange

Crítica

Adam Strange foi o resultado mais famoso de uma encomenda bem espec√≠fica do editor-chefe Irwin Donenfeld, da¬†DC Comics, a seus editores Jack Schiff e Julius Schwartz. A miss√£o era criar dois novos personagens com ra√≠zes na fic√ß√£o cient√≠fica, um do futuro e um do presente. Schiff, ent√£o, criou o Ranger do Espa√ßo (Space Ranger no original), her√≥i do s√©culo XXII que debutou na¬†Showcase #15¬†e¬†16, de agosto e outubro de 1958 e, depois, foi transferido para¬†Tales of the Unexpected, a partir da edi√ß√£o #40, de agosto de 1959. Por sua vez, Julius Schwartz, um dos mais importantes criadores da editora √† √©poca, concebeu Adam Strange, arque√≥logo do presente que √© teletransportado para Rann, planeta orbitando Alfa-Centauro, que ganhou estreia na mesma¬†Showcase, s√≥ que na edi√ß√£o #17, de dezembro de 1958, ficando por l√° at√© o n√ļmero 19 e, com o sucesso, ganhando longevo espa√ßo na¬†Mystery in Space, das edi√ß√Ķes #53 a 100 e 102.

Curiosamente, os dois heróis são muito parecidos conceitualmente e ambos foram escritos originalmente por Gardner Fox, o prolífico autor que criara Sandman (Wesley Dodds) em 1939, a Sociedade da Justiça, Flash (Jay Garrick) e Gavião Negro em 1940 e que criaria a Liga da Justiça, em 1960. No entanto, Adam Strange é o que acabou ganhando mais tração ao longo dos anos, ainda que ele tenha permanecido um herói menos conhecido e aproveitado no universo DC. A Showcase, cuja edição #4 havia apresentado o novo Flash (Barry Allen) e, com isso, marcado a transição da Era de Ouro para a Era de Prata dos quadrinhos, tinha como objetivo servir de publicação-teste de novos personagens e geralmente contava com duas histórias em cada edição, não sendo diferente com Adam Strange cujo primeiro nome vem do Adão bíblico, uma alusão ao primeiro homem da Terra ser também o primeiro homem a ir para o espaço.

Sua origem se d√° j√° na primeira hist√≥ria ‚ÄstO Segredo da Cidade Eterna¬†(Secret of the Eternal City) que tamb√©m estabelece a din√Ęmica que seria sua marca por muito tempo. Depois de descobrir a lend√°ria cidade Inca de Caramanga, nas selvas do Peru e ser perseguido, aparentemente, por incas ainda vivos, Strange, desesperado, tenta pular um precip√≠cio, somente para, em pleno salto, ser misteriosamente teletransportado para 25 trilh√Ķes de milhas de dist√Ęncia, para Ranagar, no planeta Rann. L√°, ele faz amizade com Alanna e seu pai Sardath e descobre que sua chegada a Rann se deu pelo envio de raios Zeta para estabelecer comunica√ß√£o com a Terra, raios esses que foram alterados por radia√ß√£o espacial, convertendo-os em raios de teletransporte.

V√™-se, muito claramente, os resqu√≠cios da simplicidade narrativa da Era de Ouro no roteiro de Fox. Explica√ß√Ķes ex√≥ticas, coincid√™ncias e, mais do que isso, a aceita√ß√£o de situa√ß√Ķes bizarras por um Strange que reage a tudo como se estivesse na mais perfeita normalidade s√£o as regras na aventura inaugural que coloca o her√≥i, no melhor estilo Buck Rogers,¬†Flash Gordon¬†e¬†John Carter¬†(inspira√ß√Ķes mais do que evidentes), como o salvador multi-uso e multi-habilidades do planeta que ele adotaria como seu de uma invas√£o alien√≠gena em busca de um metal que s√≥ existe por l√°. Ali√°s √© essa a estrutura repetida exaustivamente: a cada vez que Strange √© levado para Rann, ele fica por l√° tempo suficiente para evitar alguma desgra√ßa global, somente para ser arremessado de volta √† Terra convenientemente quando tudo acaba, j√° que os raios Zeta perdem sua ‚Äúfor√ßa‚ÄĚ, fazendo com que ele viaje pelo (nosso) planeta em busca dos lugares e momentos exatos em que novos raios ‚Äúcair√£o‚ÄĚ. √Č de revirar os olhos, mas faz parte do charme de v√°rios dos her√≥is criados nessa √©poca.

DC Showcase: Adam Strange

Em¬†O Planeta e o P√™ndulo¬†(The Planet and the Pendulum), ainda em¬†Showcase #17, Strange recebe de Alanna seu ic√īnico uniforme vermelho, com jatos que o permitem voar. √Č curioso notar como a arte de Gil Kane e Mike Sekowsky provou-se √† prova do tempo aqui, com uma simplicidade t√£o eficiente que, mesmo com modifica√ß√Ķes nas d√©cadas seguintes, a roupa espacial de Stranger permaneceu substancialmente a mesma. Paramentado tamb√©m com uma pistola de raios, Strange mais uma vez chega para salvar Alanna e um planeta inteiro ‚Äď Anthorann, col√īnia de Rann protegida por um domo impenetr√°vel ‚Äď de mais uma ra√ßa alien√≠gena malvada que quer extrai algo de l√°. √Č particularmente interessante e inadvertidamente engra√ßado ver a capacidade adaptativa do her√≥i que maneja seu uniforme e sua mochila voadora como se fizesse isso h√° anos. O mesmo vale para sua compreens√£o sobre estrat√©gia militar, astronomia e conhecimentos gerais, al√©m da capacidade ‚Äúmacgyveriana‚ÄĚ de consertar absolutamente qualquer coisa. Impedir invas√Ķes alien√≠genas √© com ele, algo que mais ningu√©m do povo de Rann ou de Anthorann sequer chega perto de sequer imaginar em fazer.

Em¬†Showcase #18, temos mais duas hist√≥rias:¬†Invasores do Universo At√īmico!¬†(Invaders from the Atom Universe!) e¬†As Dezenas de Destinos de Adam Strange!¬†(The Dozen Dooms of Adam Strange!). Na primeira delas, temos mais uma invas√£o a Rann, s√≥ que, no lugar de uma ra√ßa espacial, Gardner Fox cria os Vrenn, seres subat√īmicos que, com a inven√ß√£o deles batizada de Orkinomikron, reduz o tamanho da popula√ß√£o do planeta e aumenta o deles, efetivamente trocando de lugar com o povo de Alanna. Claro que Strange √© teletransportado de volta no momento exato para salvar todo mundo, usando seus conhecimentos multi-facetados sobre absolutamente tudo ‚Äď inclusive, l√≥gico, miniaturiza√ß√£o ‚Äď para reverter o quadro e mandar os Vrenn para onde vieram. Na hist√≥ria seguinte, a amea√ßa √© interna, com Tak Vall, cientista da cidade-estado de Dys, em Rann, com planos de invadir Ranagar. Usando um plano brilhante de Alanna, que criara bonecos em tamanho real de Strange para as crian√ßas brincarem (n√£o vou nem discutir o qu√£o surreal isso √©!), Strange √© enviado secretamente para Dys como um desses bonecos, com direito a mecanismo de dar corda em suas costas, de forma a espionar Tak Vall. As habilidades naturais de Strange como espi√£o, mergulhador e especialistas em combust√≠veis e explosivos, logo resolvem a situa√ß√£o, somente para ele ser arremessado de volta √† Terra quando tudo est√° mais uma vez calmo em Rann.

Na √ļltima edi√ß√£o de¬†Showcase¬†com Strange, mais duas aventuras nos s√£o apresentadas. Na primeira,¬†O Desafio do Ca√ßador Estelar!¬†(Challenge of the Star-Hunter!), Strange, que √© teletransportado para Rann depois de surrealmente fingir fazer o truque indiano de subir na corda encantada (s√©rio, de onde Gardner Fox tirou isso???), descobre que j√° foi escolhido pela popula√ß√£o de Ranagar para representar o planeta em um desafio de campe√Ķes contra o alien√≠gena Leothric que pode mudar sua forma para a de qualquer animal. O desafio d√° a Strange ‚Äď Alanna, como¬†sidekick¬†‚Äď tr√™s chances de localizar Leothric. Se Strange perder, Rann ser√° colocado em anima√ß√£o suspensa. Se ganhar, n√£o s√≥ Rann est√° livre de Leothric, como todo os planetas que foram dominados pelo invicto alien√≠gena ser√£o libertados. Aqui, o her√≥i mostra que tem capacidades dedutivas dignas de Sherlock Holmes ou Hercule Poirot e, claro, sai vencedor. A hist√≥ria, no entanto, funciona bem em sua simplicidade, abrindo espa√ßo para uma bela e criativa arte por parte de Gil Kane.

Finalmente, O Mistério da Ameaça Mental! (Mystery of the Mental Menace!) fecha o sexteto das histórias inaugurais de Adam Strange com uma meta-narrativa interessante: completamente auto-consciente de que toda vez que ele se teletransporta para Rann é para enfrentar uma ameaça gigantesca, Strange surpreende-se ao chegar lá e tudo estar aparentemente normal, com Alanna levando-o em um tour por diversas cidades do planeta que querem homenageá-lo por tudo o que ele fez. No entanto, em uma oportunidade perdida, o que começa inteligentemente cai na mesmice, com mais uma ameaça à Rann, desta vez um ser de energia pura (representada por um átomo gigante…) chamado Zakkad que vem de Ekelon, o planeta mais distante na órbita de Alfa-Centauro. Sua ambição é descobrir o segredo do teletransporte de Adam Strange da Terra para Rann e vice-versa para poder dominar o universo, algo que Strange impede com o mesmo esforço que o Superman empregaria para voar até a Fortaleza da Solidão. Mas pelo menos Strange e Alanna se beijam pela primeira vez!

Como todo her√≥i de d√©cadas de vida, Adam Strange sofreria um sem-n√ļmero de altera√ß√Ķes em sua mitologia, uma das melhores pelas m√£os de ningu√©m menos do que¬†Alan Moore. Nesse come√ßo, por√©m, ele √© pueril e simples como muitos personagens em quadrinhos desse come√ßo da Era de Prata, ainda muito influenciada pela forma de se escrever da Era de Ouro. S√£o hist√≥rias curtas que ainda divertem, especialmente se n√£o as levarmos a s√©rio e que, de toda forma, sedimentaram o caminho que o personagem seguiria ao longo de suas hist√≥rias solo e, mais importante ainda, de suas diversas participa√ß√Ķes especiais em grandes hist√≥rias futuras da DC Comics.

AssistirDC Showcase: Adam Strange

DC Showcase: Adam Strange
DC Showcase: Adam Strange
Título original DC Showcase: Adam Strange
TMDb Rating 8 2 votes

Director

Butch Lukic
Director

Elenco

Charlie Weber isAdam Strange (voice)
Adam Strange (voice)
Roger Cross isForeman (voice)
Foreman (voice)
Kimberly Brooks isAlanna / Diane / Meyra (voice)
Alanna / Diane / Meyra (voice)
Ray Chase isNoris (voice)
Noris (voice)
Fred Tatasciore isBartender (voice)
Bartender (voice)
Compartilhamento0

Títulos Similares

Z: A Cidade Perdida
O Assalto Perfeito
Scooby-Doo e os Invasores Alienígenas
O Corcunda de Notre Dame
Scooby-Doo! M√ļsica de Vampiro
Viagem √† Lua de J√ļpiter
Octonautas e o Círculo de Fogo
LX 2048
Miss√£o Pijamas
The Tax Collector
O Agente da U.N.C.L.E.
O Hobbit: Uma Jornada Inesperada

Deixe um coment√°rio

Name *
Add a display name
Email *
Your email address will not be published